Skip nav

SafefoodERA

Cooperação Transnacional

SafeFoodERA

A FCT foi membro da rede SAFEFOODERA, um projecto financiado pela Comissão Europeia, com o objectivo de fortalecer a base científica na Europa e apoiar a construção do Espaço Europeu de Investigação na área da segurança alimentar. Esta ERA-NET envolveu 24 agências de financiamento europeias, de 19 países, e terminou em 31 de Maio de 2009.

A SAFEFOODERA lançou dois concursos transnacionais em segurança alimentar.

1º Concurso

O 1º concurso piloto da SAFEFOODERA em 2006 financiou projectos de investigação nos seguintes temas:

  • Assessment of information for the identification of emerging risks;
  • Pathogen free food production chain;
  • Foodborne Zoonoses.

Os países e regiões participantes no 1º concurso foram: País Basco, Chipre, Finlândia, Alemanha, Islândia, Letónia, Noruega, Portugal, Suécia, Holanda, Região Nórdica e Reino Unido.

No 1º concurso foram submetidas apenas 4 propostas. O painel independente de especialistas recomendou financiamento para 2 propostas, com participação de 3 equipas portuguesas. O orçamento total do 1º concurso foi de aproximadamente 2.3 M €, dos quais a FCT financiou 60.000€, para projectos com duração máxima de 1 ano.

Os projectos financiados no 1º concurso com participação portuguesa foram:

  • MYCONET, com participação portuguesa a cargo de Marina Martins (LNIV), com um orçamento de 30.000€;
  • Foodborne zoonoses - Campylobacter and E. coli - a network project (CampEc-NET), com participação portuguesa a cargo de Maria João Fraqueza (UTL) e Jorge Machado (INSRJ), com orçamento total de 30.000€.

2º Concurso

O 2º concurso da SAFEFOODERA em 2008 financiou projectos nos seguintes tópicos:

  • Detection of Traces of Allergens in Food;
  • Bioactive Ingredients;
  • Chemical;
  • Food Contaminants;
  • Emerging Risk;
  • GMO – Development of screening methods of GMO;
  • MRSA/Antibiotic Resistance;
  • Risk-Benefit Analysis;
  • Risk Assessment of Food-Borne Pathogens;
  • Traceability.

Os países e regiões participantes no 2º concurso foram: País Basco, Chipre, República Checa, Finlândia, Alemanha, Islândia, Noruega, Portugal, Eslovénia, Holanda, Região Nórdica e Reino Unido.

Neste concurso foram submetidas 24 propostas, das quais 7 foram recomendadas para financiamento pelo painel independente de especialistas. O orçamento total do 2º concurso foi de aproximadamente 6 M €, e a FCT disponibilizou 200.000€ para financiamento de 2 projectos, com duração máxima de 2 anos.

Os projectos financiados no 2º concurso com participação portuguesa foram:

  • Bio-Availability and risk assessment of polycyclic aromatic hydrocarbons (PAHs) and toxic elements (As, Cd, Hg and Pb) in processed meat and seafood products, liderado em Portugal por António Marques (IPIMAR), com um orçamento total de 100.000€;
  • Risk assessment of Listeria in traditional ready-to-eat food items, liderado em Portugal por Yolanda Vaz (Fac. Medicina Veterinária) e Isabel Fernandes (INRB), com um orçamento de 100.000€.

Contacto

Catarina Resende
FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia
Av. D. Carlos I, 126
1249 – 074 LISBOA
Portugal

catarina.resende@fct.pt
Tel: (+351) 21 392 44 56

Sítio da SafefoodERA

http://www.safefoodera.net/